SERVIÇO HIDROLÓGICO DE PROVISÃO DE ÁGUA DA REGIÃOHIDROGRÁFICA AMAZÔNICA: UM EXERCÍCIO DE VALORAÇÃO

Mónica Liseth Cardozo de Barrios, Marcelo Diniz, Claudio Szlafstein

Producción científicarevisión exhaustiva

Resumen

Este artigo procura estimar o valor monetário gerado à economia pelos bens e serviços privados derivados do serviço de provisão de água da região hidrográfica amazônica. A valoração partiu do valor realizado via preços de mercado (demanda manifesta), enquanto medida que expressa as preferências dos agentes associados em cada caso. No exercício de valoração, o preço do bem é interpretado como o benefício marginal (disposição a pagar) na última unidade adquirida. Os bens privados avaliados foram: água tratada para consumo humano e industrial, água para consumo pecuário, hidroeletricidade, recursos pesqueiros, transporte fluvial de carga e passageiros. Como resultado obteve-se que o valor monetário gerado a economia pelo uso direto dos recursos hídricos foi de R$ 18.234,010 milhões, com predominância na hidroeletricidade (58,94%), seguido do consumo de água para uso industrial (15,18%) e transporte fluvial de carga (13,63%). Este montante compreende 10,27% do valor bruto de produção industrial da região.
Título traducido de la contribuciónHYDROLOGICAL SERVICE OF WATER SUPPLY IN THE AMAZON BASIN: A VALUATION EXERCISE
Idioma originalPortuguese
Páginas (desde-hasta)81
Número de páginas104
PublicaciónCADERNOS DO CENTRO DE PESQUISA ECONOMICA (CEPEC)
Volumen10
N.º2
DOI
EstadoPublished - 2021

All Science Journal Classification (ASJC) codes

  • Desarrollo

Huella

Profundice en los temas de investigación de 'SERVIÇO HIDROLÓGICO DE PROVISÃO DE ÁGUA DA REGIÃOHIDROGRÁFICA AMAZÔNICA: UM EXERCÍCIO DE VALORAÇÃO'. En conjunto forman una huella única.

Citar esto